sexta-feira, 12 de julho de 2013

capítulo 20 - ciúmes

Demi: promete que vai ter paciência?
Joe: promete que vai mandar a real pra esse cara?
Demi: prometo
Joe: prometo também

----TRIIIIN----

Demi: o sinal tocou, tenho que ir, te vejo no intervalo?
Joe: claro -eu dei um selinho nele e fui pra minha sala-Demi off

Joe pov's: eu estava vendo a minha pequena ir pra sala, mas quando me preparei pra ir pra minha, um ser desagradável e desprezível veio falar comigo-

xxxx: ela é linda, né?!
Joe: o que você quer, mano? já não basta ontem?
Trace: eu só vim dizer uma coisa, Joseph, eu amo a Demi e acho que você já percebeu isso
Joe: é, mas você está esquecendo do mais importante
Trace: e o que seria?
Joe: ela não te ama, seu imbecil
Trace: mas vai, agora é melhor você não ficar no meu caminho, porque vai ser pior se você fizer isso
Joe: escuta aqui Trace -eu disse puxando o colarinho da camisa dele e o olhei nos olhos mostrando toda a minha raiva- se você encostar um dedo na Demi, se tocar em um fio de cabelo dela, eu acabo com você, pode ter certeza
Trace: eu não tenho medo de você, Jonas
Joe: pois deveria -eu soltei aquele idiota e fui pra minha sala, mas claro que não consegui prestar atenção em nenhuma aula-
Miley: Joe, você ta bem?
Joe: ta tão na cara assim? -eu olhei pra ela enquanto coloca os livros no armário e ela movimentou a cabeça dizendo que sim-
Miley: quer conversar?
Joe: é esse Trace que me tira do sério
Miley: eu sei, o meu irmão é bem desagradável quando quer
Joe: é verdade... espera aí, ele é seu irmão?
Miley: sim, você não percebeu pelo sobrenome?
Joe: nem me liguei
Miley: sim, o Trace é meu irmão, mas ele não mora aqui a muito tempo, ele veio pra cá a uns 3 anos, ele morava em L.A.
Joe: preferia que ele nunca tivesse vindo
Miley: eu também, porque agora meu pai coloca ele pra me vigiar
Joe: tenho pena de você, Smiley
Miley: não tenha, eu aguento -nós nos olhamos e começamos a rir, nunca imaginei que ia encontrar alguém que eu pudesse reclamar do Trace sem brigarem comigo- vamos pro refeitório?
Joe: vamos, deixa só eu terminar de guardar essas coisas -eu terminei de colocar uns livros e e quando estava pronto pra sair, senti duas mãozinhas geladas tamparem meus olhos-
xxxx: um beijo se você adivinhar quem é -era impossível não reconhecer aquelas mãos e aquela voz-
Joe: uma garota pequena, chatinha e linda -eu me virei pra ela e a beijei- oi amor
Demi: oi, como foi a aula?
Joe: o de sempre, um tédio, né Miles?! -eu olhei pro lado esperando encontrar ela, mas ela já tinha ido embora- acho que ela já foi
Demi: vamos também?
Joe: espera, antes eu quero falar uma coisa
Demi: pode falar
Joe: toma cuidado com aquele Trace, pequena
Demi: caramba Joe, isso de novo?
Joe: mas é verdade, hoje mesmo ele veio falar comigo -disse me lembrando da agradável conversa que tivemos hoje mais cedo-
Demi: foi mesmo? e ele falou o quê? -ela se soltou de mim e colocou as mãos na cintura olhando sinicamente pra mim-
Joe: disse que te amava e que era melhor eu sair do caminho dele
Demi: olha Joe, eu te amo muito e sei que você me ama, mas inventar toda uma história só porque está com ciúmes do meu amigo, aí já é demais
Joe: então quer dizer que você não acredita em mim?
Demi: claro que eu não acredito
Joe: ótimo, então a gente não devia continuar namorando
Demi: como é que é?
Joe: você me ouviu, Demetria, pra quê a gente continuar junto se você não acredita em mim?
Demi: eu não acredito que você ta terminando comigo
Joe: não foi isso que eu disse, só acho que a gente devia dar um tempo pra pensar, esclarecer o que nós queremos de verdade
Demi: eu não acredito que você fez isso comigo -ela saiu de lá e eu percebi que ela já estava chorando, quando eu não consegui mais vê-la, sentei encostado no meu armário e comecei a chorar de raiva daquele idiota, de raiva de mim e de tristeza por provavelmente ter perdido a minha pequena pra sempre-Joe off

Demi pov's: eu não conseguia acreditar que aquilo estava acontecendo, eu não entendia porque o Joe estava me tratando daquela forma. Eu fui até o banheiro e fiquei lá, chorando, até o intervalo acabar, depois ajeitei o rosto e voltei pra sala, mas não consegui prestar atenção nas aulas...que droga, Joseph! Demi off

[...]

Miley: eles se mudaram quando?
Demi: ontem depois da escola -disse cabisbaixa-
Selena: você não pode ficar assim, gata, já faz quase três dias que você ta assim tristinha
Demi: mas ele que quis terminar, eu ainda amo muito ele , Selly
Miley: olha aqui, Demetria, ele não terminou, ele pediu um tempo
Demi: mas um leva ao outro
Miley: não leva não e ele deve ter um motivo
Demi: ele disse que é porque eu não acredito nele
Liam: mas por que ele disse isso?
Demi: porque eu reclamei por ele ficar só falando mal do Trace, dizendo que o Trace gosta de mim, que foi falar com ele...
Miley: mas talvez seja verdade, Demi, porque você mesma me disse que o Joe não sabe que você e o Trace já namoraram
Demi: porque se ele souber, aí é que ele vai encher o saco mesmo
Miley: olha, eu como irmã e amiga tenho o direito de dizer que eu concordo com o Joe
Demi: vai ficar do lado dele agora?
Miley: não, vou ficar do lado da verdade, porque eu sei que o Trace ainda sente alguma coisa por você e todos nessa escola sabem disso, agora eu vou pra minha sala, porque se não eu chego atrasada e hoje é sexta, não quero ficar de castigo, beijo -ela puxa Liam e eles vão pra sala-
Selena: eu também já vou indo, ta amore? te vejo na sala -deu um beijo no rosto dela e foi se encontrar com Nick que tinha acabado de chegar com Joe. Demi olhou na direção deles e quando o olhar dela se chocou com o de Joe eles sentiram algo diferente dentro do coração, mas ele simplesmente deu um beijo na testa de Selena e entrou na escola-

Joe pov's: Quando eu vi o olhar de Demi pra mim eu senti uma coisa diferente dentro do coração, porque ao mesmo tempo que eu me sentia culpado, eu tive a certeza de que a amava mais do que qualquer coisa no mundo e sua maior vontade era de correr e abraça-la no meio de todos para mostrar o quanto eu a amava, mas o meu orgulho não permitiu, então eu me despedi de Selena e Nick e entrei na escola. Eu estava indo em direção ao meu armário quando um furacão loiro surgiu na minha frente-

xxxx: oi Joe
Joe: oi pessoa que eu não sei o nome
xxxx: me chamo Taylor (me desculpem Swifties, eu amo a Taylor, acho ela uma fofa, mas n tinha outra loira)
Joe: ah ta, muito prazer, mas com você me conhece?
Taylor: isso é algum tipo de piada?
Joe: e por quê seria?
Taylor: você é namorado da Lovato e a Demi e eu, vamos dizer que... nós somos as duas garotas mais populares do colégio
Joe: então você é amiga dela?
Taylor: como é que é? Não confunda as coisas, queridinho, eu e a Demetria já fomos amigas, mas isso é passado
Joe: então por quê ta vindo falar comigo? Não sei se você já sabe, mas eu e a Demi demos um tempo no nosso namoro
Taylor: jura? Que pena... mas eu quero ser sua amiga, você parece ser uma boa pessoa e além disso é um gato
Joe: ér... obrigada

----TRIIIIN----

Joe: o sinal tocou, eu tenho que ir, tchau Taylor
Taylor: tchauzinho



3 comentários:

  1. Perfeito.
    Posta logo
    Selinho para você:
    http://umahistoriadeamorlindajemi.blogspot.com.br/2013/07/mini-fic-para-sempre-cap-02-selinho.html
    Beijinhos...

    ResponderExcluir
  2. Amei o Capitulo. Faze uma Maratona Por favor.
    Posta logo!! Bjs

    ResponderExcluir
  3. nossa eles tem q voltar logo ja vi q a Taylor vai atrapalhar um pouco... mas pelo menos amigos! faz uma maratona eu iria amarrrr. te amo

    ResponderExcluir